Voltar

terça-feira, 3 de setembro de 2019, 9h05

Notícias IBA

Projeto Patrulha recupera anualmente 150 km de estradas no Maranhão

Vicinais não asfaltadas que ligam as algodoeiras às estradas estaduais são recuperadas pela Amapa

Uma ação que visa recuperar e fazer a manutenção de estradas vicinais no Maranhão. É o que propõe o projeto Patrulha, conduzido pela Associação Maranhense dos Produtores de Algodão (Amapa) e financiado pelo Instituto Brasileiro do Algodão (IBA). O objetivo do projeto é recuperar vias não asfaltadas, desde a porta da algodoeira até a estrada estadual. No total, são três regiões (“Serra do Penitente”, Batavo e Alto Parnaíba), que compreendem cerca de 150 quilômetros restaurados por ano.

São dois tipos de trabalho: recuperação e manutenção. No primeiro caso, uma empresa terceirizada e especializada utiliza maquinário específico para corrigir os trechos danificados. Já na manutenção, é realizada uma técnica chamada “levantamento”, que consiste em erguer novamente a estrada em locais onde os caminhões compactaram o trajeto a ponto da estrada ficar mais baixa que o nível natural do solo.

“Desenvolvemos esse trabalho em benefício dos associados e o nível de aceitação sempre foi muito forte, porque ataca um dos principais gargalos da região, que é o escoamento da produção”, explica o coordenador executivo da Amapa, Wellington Nascimento Silva.

Com esse projeto, a associação faz o trabalho de conservação do solo e recursos naturais, produzindo bacias de contenções de água ao longo de todos os trechos. Concomitantemente, houve ganhos relevantes de agilidade no transporte de insumos nas fazendas e no escoamento da produção, além de economia significativa nos fretes comercializados.